A Cruz de Morrigan


Sinopse: Nos últimos dias do verão, com relâmpagos azuis riscando o céu enegrecido, o feiticeiro parou no alto de um rochedo e encarou o mar revolto…

Extravasando seu sofrimento à tempestade. Hoyt Mac Cionaoith esbraveja contra a força do mal que o separou do irmão gêmeo. Essa força se chama Lilith, uma vampira demoníaca. Nascida há milhares de anos, ela atrai um número incontável de homens, devastando-lhes a alma com seu beijo maligno. Poderá Lilith ser detida antes que finalmente consiga dominar o mundo? 

Hoyt não é páreo para a ninfa do mal. Mas seus poderes vêm da deusa Morrigan, e através dela terá sua grande chance de vingança. Sob o comando de Morrigan, ele deverá reunir cinco outros para formar um circulo de força poderoso o bastante para derrotar Lilith.

Um circulo de seis: ele próprio, a bruxa, a guerreira, a erudita, aquele de múltiplas formas e aquele que ele perdeu. E será com este círculo, centenas de anos no futuro, que perceberá como seu espírito assim como o coração se tornaram…

Autor: Nora Roberts
Coleção: Trilogia do Círculo
Editora: Bertrand Brasil
ISBN: 8528614689
Páginas: 364
Preço: R$ 39,00


Resenha

Olá gentens…

Terminei este volume ontem, e fico feliz de não ter lido nada sobre ele antes…

E, por isso, quando comecei a lê-lo foi tudo uma surpresa, e uma ótima surpresa, eu só tinha idéia que era sobre vampiros por causa da imagem  capa, e mais nada, não tinha idéia que a autora estava misturando magia, com deuses e viajem no tempo e tudo mais que se tem nesta história, e gente, não é que a mistura deu uma boa combinação?

A autora conseguiu colocar um pouco de cada, e ainda por cima descreve vários personagens principais e cada um com o seu tipo de história, cada um com seus poderes, e poderes que são bem utilizados e distribuídos. É, eu gostei da história… =D

A história começa na Irlanda do século XII, com Hoyt e Cian Mac Cionaoith, irmãos gêmeos. A fatalidade começa com eles, ou melhor com Cian, que é seduzido por Liliyh e acaba sendo transformado em vampiro. Hoyt, é um respeitado feiticeiro, ele tenta com todos os seus poderes ajudar o seu irmão querido, enfrentando e ferindo Liliyh, mas não consegue mais do que isso.

Depois deste ataque mal sucedido, a Deusa Morrigan vai até Hoyt e lhe explica a situação da guerra iminente, e que ele vai ser o líder de um círculo de seis, criado para destruir a vampira e impedir os planos dela.

Glenna Ward - A Bruxa
Glenna Ward - A Bruxa

Neste círculo deve conter: o Feiticeiro – Hoyt, a Bruxa – Glenna, o Guerreiro – Blair, a Erudita – Moria, Aquele de múltiplas formas – Larkin e o que se perdeste – Cian.

Os personagens são ótimos tanto as mulheres, com suas personalidades fortes e seu charme, como os homens, com seus instintos de proteção e liderança, se eu pudesse escolher ser um deles, eu escolheria a Glenna, ou talvez a Blair…  As duas são ótimas! ;D

É uma ótima pegada da autora colocar a história acontecendo em épocas diferentes, começa no século XII e depois vem para o século XXI, já nos dias de hoje em Nova York e também na Irlanda, e ainda tem um lugar misterioso chamado Geall, que é onde esta guerra será finalizada.

Além da guerra, e a questão sobre vampiros, rola na história também um lindo romance, e lindo mesmo, pois é entre Hoyt com Glenna, dois integrantes do circulo que tem magia.

A relação entre eles se desenvolve muito bem desde o inicio e é linda demais, como os dois tem o dom da magia as coisas entre eles pegam fogo literalmente, e esta relação vai amadurecendo no decorrer do livro, ao mesmo tempo que estão sendo atacados pelos inimigos e também por eles mesmo do circulo, pois eles tem grandes diferenças e ninguém aceita a de ninguém.

Eu não vou contar mais pois se não vou soltar spoilers…

Mas a história toda é ótima, algo diferente nesse nosso mundo da literatura fantástica, com doses de sobrenatural, vampiros e magia, um dos ingredientes que eu adoro, e que neste volume tem em boa quantidade e, mais importante, usado com muita qualidade…

Pontos Negativos: A capa é muito ruim, não tinha dado uma chance até agora para este volume só por causa da capa, é feia e chama a atenção negativa em lugares públicos, eu trocaria fácil;

E não gostei do sub-titulo (A cruz de Morrigan), não tem muito haver, só tem umas citações aqui e ali. Pois quando Hoyt sai em missão para deusa, ele pede proteção para sua família, porque ele teme que sejam atacados, e a Deusa cria com a magia dos deuses, sete cruzes para que os familiares de Hoyt as usem e nunca tirem, desde o nascimento até a morte. E depois é citado de novo quando chega o ultimo integrante do circulo, a Guerreira Blair;

E o volume tem alguns erros na gramática, mas é possível deduzir o correto.

Ponto Positivo: A autora inicia a história com um narrador, um contador de histórias, cumprindo sua promessa para varias criancinhas de contar uma história para passar o tédio de um dia chuvoso.

Só temos noção disso no inicio da história, no prefacio e no fim, quando o narrador aparece de novo, e acaba nos deixando na curiosidade de saber quem ele é.

Minha Nota
Minha Nota

A Cruz de Morrigan é o primeiro de uma Trilogia, todos já publicados pela a Editora Bertrand Brasil.

——-Livro II – O Baile dos Deuses                         Livro III – O Vale do Silêncio

Este é mais um dos volumes do Desafio Literário de Férias, que estou participando…

Beijos gente e até mais…

Luh Figueiredos

Anúncios

20 comentários sobre “A Cruz de Morrigan

    1. É para poder pegar o livro para lê-lo tem ao menos que chamar o minimo de sua atenção… Se não nem adiante pegar…

      Este demorei mas resolvi dar uma chance, e valeu a pena… Vai que um dia vc tbem dê uma chance e goste… Fica a dica…

      Bjos ate mais…

  1. Nunca li nada de Nora.E, para falar a verdade não me interesso muito por ela.Não sei bem o real motivo desse descaso,acho que talvez seja pelas capas de seus livros, que normalmente são horrorosas.No mais,devo elucidar a magnífica resenha que fizeste.Já estou me tornando repetitiva,eu sei,mas fazer o que,se você é perfeita!!Adoro suas resenhas ainda que os livros não façam meu estilo.
    Adoro-te,muito!
    Bjs!
    Zilda Mara
    Cachola Literária

    1. Obrigada pelo elogio Zi, vindo de vc então, vale mais ainda, pois adoro as suas resenhas e acho que falta um bocado ate eu chegar onde vc esta… ;D

      E sobre a Nora, esta é a segunda trilogia que pego dela, são poucos dela que chama a minha atenção… Mas se chama minha atenção dou ao menos uma chance…

      Beijo minha Linda…
      Adoro vc!

  2. Faz tempo que quero ler este livro, mas a falta de dinheiro não ajuda em ada né kkkk Livros deveriam ser baratinho, não este preço absurdo. Não li a resenha por que pretendo ler este livro este ano que vem \o/

    Bjks
    Ká Guimaraes

  3. Luh, fui uma devoradora voraz dos livros da Nora Roberts. Tenho vários, mas acabei parando de lê-los porque comecei a achar as histórias repetitivas. Vejo que este é diferente e foge bem ao estilo original da autora. Fiquei com muita vontade de ler. E sua resenha contribuiu muito para isso.
    Beijinhos…
    Marina – Instante Literário

  4. Tenho um amiga que adora Nora Roberts… Nunca me prendeu a atenção por mais que eu quisesse dar uma chance aos livros dela.
    Concordo com vc, Luh, a capa é horrível… nunca gostei das capas dela…. maaaaaaaaaaaaaaaaaaaas é a primeira vez que realmente me interesso… lerei com certeza, depois da resenha então… já está na minha lista ^^

    Bejão!

  5. OI LUh, sua linda!
    Adorei sua resenha, e como a Zilda, sei que estou sendo repetitiva, mas suas resenhas são ótimas mesmo.
    Sobre a Nora, não sou super fã, mas gosto de alguns livros dela.
    Já li Dançando no Ar, que faz parte da Trilogia da Magia e é muito bom, tem resenha lá no blog, sobre ele.
    Quanto a trilogia do Círculo, tbm não gosto das capas, mas a história dos livros me interessa bastante, e espero em breve poder comprar para ler, ainda mais depois da sua opinião.
    Aproveito para lhe desejar Feliz Ano Novo! Muita saúde e Paz.
    E que em 2012, nossa amizade se fortaleça ainda mais. Bjus

    Lia Christo
    http://www.docesletras.com.br

  6. Bem, sou super fã da Nora desde que li a trilogia da fraternidade. A trilogia do círculo, completamente diferente de tudo o que eu já tinha lido dela anteriormente, me surpreendeu… Muito interessante, a forma como ela expressa as situações, sentimentos de seus personagens, é como se eu estivesse vivendo naquela enorme casa irlandesa. rsrs’ Minha personagem favorita é a Moira, sinto que ela não tenha tanto destaque, ainda não li “Vale do Silêncio”, mas espero que no terceiro volume da saga a Moira tenha o destaque esperado, desde do primeiro momento identifiquei-me com ela, coisas da Nora, sempre vai haver um personagem dela que a gente se enxerga, torce, e nem precisa ser os principais! Bem, então é isso! Nora Roberts é incrível e vale a pena ler cada livro seu.

  7. Hum… com essa propaganda dá até vontade de ler esse livro…
    mesmo com essa capa chamativa e talvez … hum… ah vc sabe…

    já espero a resenha da sequência ^^
    bjus 😀

Faça uma blogueira feliz, deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s