[Resenha] Do Seu Lado

Oi oi galera,

Como estão?

Eu enquanto escrevo aqui, de férias. \o/

Por isso, aproveitando a folga, hoje trago para vocês um livro que me deixou muuuiiito pilhada rsrs.

Estou falando do livro Do Seu Lado da Fernanda Saads

DO_SEU_LADO

Sinopse: Após um longo tempo de terapia para se recuperar de um fora, Sarah parece estar bem. Quer dizer, ela já recuperou seu peso normal e consegue pensar em outras coisas além de Bruno. O problema é que no fundo ela vive fantasiando o dia em que esbarra com ele na rua e: pimba! Ela está linda e radiante e ele percebe a mancada que deu. Seus planos são simples: reconquistar Bruno e depois dar o troco que ele merece. Mas o destino lhe prega uma peça quando Nestor, seu chefe, pede que ela visite um novo cliente e, de repente, tudo vira de cabeça para baixo. Lá está ela de frente para o seu antigo amor, que parece mais irresistível do que nunca! Enquanto isso, seu melhor amigo, Igor, sempre presente e irritantemente perfeito, não suporta vê-la cair nas garras do bonitão outra vez. Sarah terá que lutar contra os próprios conceitos para descobrir o verdadeiro sentido do amor.

Autora: Fernanda Saads | Editora: Novo Conceito | Pág.: 320 | R$  | Skoob

Resenha:

Nesse livro conhecemos Sarah. Uma arquiteta que tem alguns vícios… digamos assim…

Ela basicamente tem a pira de reencontrar o ex dela na seguinte situação: Ela “divando” e ele estrupiado, jogado na valeta e todo arrependido de ter perdido ela. Detalhe, foi ela quem terminou o namoro, pois ele a traiu.

Tudo bem, esse é bem um sonho de muitas pessoas com relação aos seus antigos relacionamentos, mas não durante QUATRO anos.

E é assim que começamos a história de Sarah.

Mesmo com essa pira, ela é muito divertida, gosta de Sex and the City, não sabe fazer pipoca sem queimar e tem um amigo super certinho mas que é um cavalheiro e ótimo como amigo. Esse rapaz incrível é o Igor.

Sarah e Igor são amigos desde da faculdade e sempre foram melhores amigos. Igor foi o cara que deu aquela força pra Sarah quando ela descobriu que foi traída pelo namorado e até hoje ele está lá com ela. Trabalham juntos em uma empresa de arquitetura e fazem praticamente tudo junto.

Só uma observação: Igor é um gato, solteiro e hetero… nossa personagem é um pouco tapada com relação a isso… ai ai…

Continuando,

Até que acontece  em um dia normal, ela e Igor foram a um cliente de publicidade que queria construir uma nova sede, esse cliente não era mais nem menos que o ex namorado de Sarah, Bruno.

Olha que decepção, reencontrar ele não foi da forma que Sarah sonhava, ele tem uma carreira de sucesso, dono de sua própria empresa e já expandindo horizontes… Sarah? Bem, Sarah é Sarah e está bem também, não na ruína pelo menos, mas num bom emprego.

Mas tudo bem, Sarah continua firme e forte em detestar Bruno… até ele falar com ela a sós, tocar nela… e a tonta  vai e cai na lábia dele de novo…

E é aí que eu comecei a minha pilha…

Como que alguém que falou por quatro anos que detestava um cara, vai e volta a dar mole pra ele? O pior, na cabeça dela, ela pensa que é só pra se vingar, típica auto-mentira. E Igor, o super amigo dela vê isso acontecer novamente, dá o toque na amiga, fala que isso não vai dar certo, mas não adianta, Sarah vai e volta com Bruno…

Do que você lê da história e das lembranças da Sarah, você logo percebe que Bruno não mudou em nada, continua com o mesmo gosto, com o mesmo apelido pra Sarah (Sun, isso lá é apelido pra Sarah? Eu hein…) e pior, continua achando que a Sarah não mudou em nada.

Só que ela pode não ter mudado, mas o que ela é de verdade não é o que ela é para o Bruno, gente, a mulher se faz pra ele, usa tal roupa, se produz, usa tal cor que ele gosta e esse tipo de coisas… Sendo que ainda por cima ela de vez em quando lembra que com o Igor ela fazia diferente e se divertia muito mais… Mas só lembra, nada que a faça pensar de imediato.

Pra dar uma força pra Sarah, temos a terapeuta dela, que mais recebe mensagens da sua paciente do que fala, tanto que se não me engano ela fez três consultas a essa terapeuta, já o número de mensagens de Sarah para a Terapeuta ganha um pouco mais rsrs.

Essa coisa com a terapeuta dá um gostinho diferente na história, uma coisa mais pessoal e impulsiva da personagem, que nos faz rir fácil.

Com essa volta com o Bruno, Igor acaba começando um namoro. Um namoro que  incomoda bastante a Sarah, ela fica sentindo a falta do grande amigo.

Até que Sarah descobre algo que, até que enfim, a faz abrir os olhos.

O que foi essa descoberta? Bem, eu pessoalmente não esperava por isso, desconfiava de algumas coisas, mas o que a autora colocou, gente, não esperava hehehe…

Bem, essa leitura é muito divertida, quem me via lendo, via minha revolta com a Sarah, de como que ela fazia cada mancada e como eu esperava ansiosa que ela caísse na real e levasse um chocalho de alguém hehehe… ai ai, pouca vezes me revoltei tanto com uma personagem, mas no final, realmente gostei, nossa, a autora me deixou bem incerta com o final feliz. Assim, você lendo a sinopse ou a capa/contra-capa do livro tem a certeza do final, mas não foi bem assim, fiquei com um boa dúvida até o desfecho final. E que final, que gracinha de final. *-*

Bem, vou ficando por aqui,

Espero que gostem da leitura, esse livro é ótimo e te faz querer entrar no livro só pra dar aquele toque revoltado com a personagem. hehe

Bjus, livros e até a próxima

Camila Peitz

Anúncios

3 comentários sobre “[Resenha] Do Seu Lado

Faça uma blogueira feliz, deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s